quarta-feira, 15 de janeiro de 2014

Apenas…

 


 
Apenas queria dar-te uma flor
Acariciar o teu sorriso
Sentir o teu perfume
Fechar os olhos, encontrar o paraíso.
Apenas descobrir no teu olhar a magia
Envolver-te em desejos
Matar a utopia
Saborear os teus beijos.
Apenas ternura partilhada
Num sentimento que é de dois
Numa cumplicidade anunciada
Um adeus para depois.
Apenas um querer
Tão simples quanto isso
Mas nem sempre o querer é poder
E o desejo não é submisso.
 


Sem comentários:

Enviar um comentário

widgets.amung.us

Seguidores

Quanto já leram por aqui