segunda-feira, 7 de maio de 2012

Dia da mãe....beijos a todas

Santíssima Virgem que és mãe, só tu consegues entender o meu sentir,
O meu desejo de te louvar, a minha vontade de te seguir.
Tu, que também seguiste teu filho Jesus Cristo, em todos os momentos da sua vida,
Com amor entenderás as jornadas da minha mãe querida.
Aquela que me acompanha, noite e dia sem sessar,
Encarnou te a ti na perfeição, virgem protetora,
E o infinito verbo amar.
 Mãe…nome tão pequenino, mas que tanto quer dizer,
Torna-se o maior nome do mundo. Tu, mãe, és a responsável por eu viver.
Eu sei mãe, nem todos os dias são fáceis, Nem sempre tens paciência para me aturar,
Mas também sei que sou criança, E preciso das tuas mãos para me moldar.
Mãe…tens todo o meu amor, Neste dia te quero homenagear,
Por seres a mulher que és, nunca deixarei de te amar.
Mãe…desculpa as lagrimas que te provoco, Se algumas vezes me porto mal,
Mas sabes…sou criança, e as crianças são assim afinal.
Mãe…palavra sublime, que define a tua dedicação,
Em noites que não dormes e seguras minha mão.
Zelas meu sonho, quando devias descansar,
Sentes o meu silêncio, conheces o meu respirar.
Sabes mãe…eu não te consigo enganar,
Quando chego no final do dia, olhas os meus olhos e conheces o meu olhar.
Mãe…quando perguntas: Como correu a escola?
-Sei que não te posso mentir, Tu consegues decifrar no meu olhar,
Aquilo que estou a sentir.
Mãe…minha mãe querida, guarda esta recordação que é dada com todo o meu amor,
Pouco mais te posso dar, por isso dou-te, um poema e uma Flor.

2 comentários:

widgets.amung.us

Seguidores

Quanto já leram por aqui