quarta-feira, 17 de março de 2010

Sonho

Vou prender-te na cama dos segredos

Passear contigo calmamente

Massajar teus sonhos com meus dedos

E amar-te mais… e para sempre.

Sussurrar-te junto do ouvido

Contar-te histórias…As mais secretas

Alisar o cabelo com tuas mãos

Provocar-te das formas mais indiscretas.

Acender a luz com estrelas cadentes

Alumiar teus sonhos escondidos

Versejar palavras…As mais quentes

Percorrer contigo caminhos perdidos.

Ver-te sorrir sem timidez

Perder-me em lânguidos abraços

Voar bem alto a insensatez

Num chão pisado com leves passos.

Realizar contigo a utopia

Espalhando pétalas de rosas pelo chão

Alfazema ou maresia

Testemunhos duma paixão.

Vou prender-te ao desejo de sonhar… amor idílico

Amarrar-te com lençóis de cetim

Em laços de felicidade

Ao som da música, escolhida por mim.

Vou prender-te em sonhos ao luar

Guardar contigo a solidão

Encher paisagens de harmonia

Saciar o vazio e a imensidão.

Estrelas brilham…Cintilantes

De prazer ou devaneio

Companheiras dos amantes

Da luxúria do pecado e do anseio

6 comentários:

  1. Que lindo poema, para um sonho tão intenso!...
    Gostei.

    ResponderEliminar
  2. Convite
    O livro "Continuando assim...", foi maltratado...

    Resolvi por isso, e porque tanta gente não encontra o livro onde deveria estar (nas livrarias), recontar a história
    Lá no …. Continuando assim…
    www.continuandoassim.blogspot.com

    Vamos em metade da história, o livro reescrito não está igual (nem poderia!) ao que foi editado.
    Obrigada a todos os que vão seguindo (pois só assim vale a pena).
    Um obrigada especial a quem ainda não conhece e chega de novo

    Uma reflexão em relação a todo este assunto entre livros, autores e editoras, e um conselho, se me é permitido:

    --- quando vos pedirem dinheiro para editar as vossas palavras, simplesmente digam que não ---
    BJ
    Teresa

    ResponderEliminar
  3. Minha querida
    Muito intenso e belo o teu poema.

    Beijinhos
    Sonhadora

    ResponderEliminar
  4. Maria,

    Amar está isento de pecado.
    Ser amada é um mundo de sonhos e retribuição, vejo em tuas palavras doces e indiscretas que conheces bem as texturas desse mundo.

    Beijo
    Marta

    ResponderEliminar
  5. Maria...

    Não precisas prender o sonho! Ele te envolve com caricias nos dedos, com palavras sussurradas na intimidade da noite, com seus enigmas despertando desejos e emoção!
    Quando ele partir ao amanhecer, sentirás o sabor dos beijos na tua boca!...


    BeijOOO
    AL

    ResponderEliminar
  6. Ahhh, o amor... as palavras o reconhecem e se desenham todas lindas para encontrá-lo. Lindo poema, Maria!

    Beijomeupravocê

    ResponderEliminar

widgets.amung.us

Seguidores

Quanto já leram por aqui