domingo, 13 de dezembro de 2009

MULHER



Por entre a curva dos teus seios,
Passam ideias…devaneios…
Mulher amada…mulher sofrida…
Pensas em ti…pensas na vida.
Mulher perdida mas sonhadora
Pensas um dia ser uma Senhora.
Mulher coragem, abandonada
Sofres em silencio,
Desesperada…
Ris do desgosto
Que a vida é assim
Com tuas lágrimas, mesmo sem fim.
És sonho… realidade…
Tempero…ternura…
Muita saudade
És mãe, amante, mulher,
És tela, ou poema
És valiosa, belo diadema



7 comentários:

  1. Simplesmente brilhante...e eu como mulher que sou encho o meu peito de orgulho por tudo que este texto me diz...uma mulher é isso mesmo é a magia do ser e do ter.... Fantaástico, neste momento ler um tezto como este foi um desabruchar de uma flor..

    beijinhos
    Susana

    ResponderEliminar
  2. Mulher é tudo isto e muito mais... É ser Mulher verdade, Mulher inteira, Mulher autêntica, Mulher genuína, Mulher entrega, Mulher paixão, Mulher amor, Mulher dor... A vida sem ti Mulher não tem a mesma cor!

    Bonito, gostei!

    Bjnh de Luz

    ResponderEliminar
  3. LINDO...MULHER É TUDO ISSO E MUITO MAISSS...
    BELA DESCRIÇÃO, LINDO POST.



    :)) DOCE CARINHO

    ResponderEliminar
  4. E foi certamente no silêncio da noite que um dia escrevi este texto:

    Gosto das mulheres. Admito! As mulheres são como os sonhos... não se conseguem controlar. Avoaçam como pardais sem rumo. Como cirros impulsionados pelo vento.
    Adoro a forma como mentem e como não o fazem. Há nas suas confissões uma réstia de silêncio... do seu mundo nós homens não teremos mais do que isso. Tomaremos a sua verdade como a nossa, ou morreremos loucos.
    Que se enganem os machistas sobre quem manda em quem.
    São arquitectas de alma, estrategas da sua própria vida. Lançam os dados esperando que tudo bata certo. É como uma roleta Russa. Amas, morres... amas e morres… amas ou morres...
    Quem não amou nunca, já nasceu morto. Que doce dor!
    Aquele que amou loucamente a mulher que teve, saberá mais de amor do que o que teve mil. Sim! Li esta frase em qualquer lugar que não lembro.
    Homem! Escreve isto no próprio corpo, e as marcas que nele passeiam. São as regras do jogo. Não as tentes alterar… segue-as sem vacilares.
    Que se enganem os conformados, que se despertem os menos lúcidos... a mulher sempre esconderá aquilo que realmente deseja.
    Que se quebrem as alianças, que se encarem os desejos, que se destapem os medos...
    O corpo toca-nos o espírito... o afecto aquece a alma.
    E a mulher dormita voluptuosamente nua... e,
    Quando a menina cresce e se torna mulher... o homem eclipsa-se num evidente menino.
    Mas eu gosto delas, e é tão bom sentir-me menino de novo…

    Parabéns

    ResponderEliminar
  5. Ola
    Aqui estou eu a retribuir as visitas, os convites e sem favor, por que depois de ler... bem, só apetece reler.
    Voltarei, com toda a certeza.

    Beijinhos

    Ricardo

    ResponderEliminar
  6. À volta desta fogueira
    Aquecem os corações, almas penadas
    À volta desta fogueira ninguém foge
    Todos contam lendas de pessoas encantadas

    Todos rezam, todos pedem
    Que desça o céu à terra
    Todos falam de um anjo
    Que travou uma santa guerra

    Manto de água, mundo verde
    Manhãs de sol posto no céu
    Às vezes a luz perde-se na noite
    À vezes um coração veste um negro véu


    Mágico beijo

    ResponderEliminar

widgets.amung.us

Seguidores

Quanto já leram por aqui